ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Inscreva-se abaixo para receber nossos conteúdos

Projeto do Mercado Municipal de Carnes de Cristinápolis entra em nova etapa

O projeto para a reforma do Mercado Municipal de Carnes de Cristinápolis segue avançando e entra em nova etapa, após a aprovação do Estudo de Viabilidade, apresentado pela equipe de arquitetura, urbanismo e engenharia do ProjetarSE à gestão municipal. A proposta prevê a ampliação e adequação de toda a estrutura atual. Reformado, o mercado irá atender a uma forte demanda da região, que tem o comércio de alimentos como uma de suas principais atividades econômicas. 


Na proposta validada, foram contempladas a construção de novos pilares e novas vigas de sustentação para o teto do Mercado, novas telhas, ampliação dos cobogós existentes no edifício, para melhor circulação de ar; novo piso, além de portas com cores e painéis que remetem à cultura e identidade local, inspiradas na literatura de cordel. O projeto prevê ainda uma nova área administrativa, banheiros e área para instalação de câmara fria para armazenamento das carnes, além de modelos de boxes que atendem às demandas de higiene exigidas pela vigilância sanitária. 


"A proposta apresentada dispõe do estrutural, o layout dos boxes, como será a intervenção arquitetônica das fachadas e demais pontos referentes à reforma do Mercado. A partir da validação da ideia, a gente começa o Projeto Básico, que é o projeto técnico, todas as peças técnicas que precisamos complementar para que o projeto esteja pronto para ser licitado. Ou seja, projetos complementares de engenharia, elétrica, hidráulica e todos os outros necessários”, explicou a coordenadora geral do ProjetarSE, Shirley Dantas.


Orçado em R$957 mil, e com recursos assegurados em convênio com a União, a proposta contempla também uma sala de desossa, cabine acessível masculina e feminina, exigência da Vigilância Sanitária para uso dos marchands. No projeto, está incluído ainda um anexo, onde ficará a casa de lixo, orgânico e não orgânico, e um depósito de material de limpeza.


Desde o primeiro contato com o local, feito em julho do ano passado, a equipe técnica vem trabalhando no desenvolvimento de uma proposta que atenda às necessidades postas pela gestão de Cristinápolis, as exigências da vigilância sanitária, e que ressalte também características da cultura local. Isso é feito pelo corpo técnico a partir do estudo de condicionantes locais, entendendo o funcionamento da região, suas características culturais e de formação. Nesse projeto, as características estudadas comportam, além do principal fator, que é a agricultura familiar, aspectos da religiosidade e a influência da cultura indígena no local.


“No Estudo, destacamos também a linguagem do cordel, muito forte em nosso estado, e os elementos que são marcantes para a identidade de Cristinápolis. No município é muito forte a questão da agricultura familiar, então é muito importante também que a gente traga isso para a valorização desse espaço”, disse a diretora técnica de arquitetura, urbanismo e engenharia do ProjetarSE, Dayse Araujo. 


De acordo com o prefeito de Cristinápolis, Sandro de Jesus,  a parceria com o ProjetarSE e todo o desenvolvimento do projeto, com as visitas in loco, é algo excelente. “Estou muito satisfeito, agora é partir para a construção e vai dar tudo certo. O projeto atende à nossa realidade, a cultura do nosso município, a agricultura familiar. Agora é correr atrás dos recursos e iniciar a obra. Diante do projeto, fico impressionado com a competência de todos. Muito obrigado”, agradeceu o gestor.


A opinião também foi corroborada pela engenheira do município, Ivanise Santos. Para ela, a apresentação do Estudo mostrou uma construção de projeto bastante satisfatória, com qualidade, e que atende a uma necessidade que a população de Cristinápolis possui já há um tempo. “Vimos que os projetos apresentados estão trabalhando de acordo com as normas. Então, vai ser de grande utilidade e de qualidade. É uma obra de grande porte, que a cidade vai amar bastante. Pela distribuição das bancas, pela quantidade, organização, está ótimo, atende ao que a população precisa”, afirmou.  


17/05/2022 14:30:00.
Imagens nesta Publicação:
Fotos: Ascom ProjetarSE